9 de mar de 2013

A ORIGEM DAS ALIANÇAS DE CASAMENTO UMA VERDADE QUE MANDA OU UMA TRADIÇÃO RELIGIOSA QUE PREDOMINA ?



O anel que simboliza a união entre pessoas, a liança teve origem do povo hindu, que o costume de simbolizar a união através de um anel, proliferado esse costume entre gregos e romanos, sendo este posto quarto dedo da mão esquerda por onde se passa a veia que tem ligação com coração (veia d' amore). A igreja católica adotou esse costume como forma simbólica de união entre casais "cristãos"

Foi no livro de ORAÇÕES COMUNS (da igreja católica), que foi designada a mão esquerda como a "mão do casamento", tradição reconhecida até hoje em todo o mundo. Outro fato interessante é que até o século XIII não havia alinça de noivado ou de compromisso.
O papa inocente III declarou que deveria haver período de espera que deveria ser observado até o pedido de casamento e a realização cerimônia matrimonial. É por isso que existe um anel de noivado e depois a aliança de casamento. O primeiro anel de noivado que se tem notícia foi aquela dada pelo rei da Alemanha, Maximiliano I, a Maria Burgundy em 1447.

Esse anel e aliança surgiu entre os gregos e os romanos, provavelmente vindo de um costume hindu de usar anel para simbolizar o casamento. Os romanos acreditavam que no quarto dedo da mão passava uma veia (veia d' amore) que estava ligada diretamente ao coração, costume carregado culturalmente até os dias de hoje. No início a aliança era tida como um certificado de propriedade da noiva, indicando que a mesma não estava mais aptas a outros pretendentes. A partir do século IX a igreja cristã (cristandade), adotou a aliança como símbolo de união e fidelidade entre os casais cristãos. Muitas crenças nasceram então, como por exemplo que os escocês dizem que a mulher que perde a aliança está condenada a perder o marido.

Se você desconhecia a origem, saiba que os gregos foram os responsáveis por tornar uma tradição ocidental do uso do anel na mão esquerda, embora os hindus foram os primeiros a usarem aliança de casamento. No ano 3 a.E.C., os egipcios já usavam aliança quando seu território foi dominado por Alexandre (o grande) que levou o hábito para a Grécia, foram os gregos que passaram a usar a aliança matrimonial na mão esquerda com o nome diatheke (relação mútua). A aliança é o mesmo q acordo, união, pacto. Os romanos adotaram a prática após ter conquistado a Grécia e, com a conversão do mundo greco-romano ao cristianismo romano, o uso da aliança da mão esquerda se tornou obrigatório para os que se casavam na "igreja" durante o papado de Nicolau I em 860 E.C.

Segundo os registros do arcebispo Isidore de Seville (560 a 636 E.C.) no livro de Ethymologies, os anéis eram trocados como símbolo de fidelidade mútua de união dos corações. Essa tal veia a ciência descartou. A cumpultura e no Do In (métodos de cura orientsis milenáres) há um meridiano que passa no anular esquerdo e pelo coração.
Segundo os entendidos, os meridianos são como rio um rio que passa por onde corre a energia do corpo.

O ritual da cerimônia não mudou praticamente nada nos tempos atuais. No século XVI, o casamento civil se tornou obrigatório pela igreja de Roma, as noivas usavam buquês e na cabeça para espantar maus fluidos,usavam coroas de espinhos. As flores representava a felicidade e a vida longa e os espinhos afastariam os maus espíritos. Mais tarde foi acrescentado o véu em referência a deusa greca-romana Vesta, protetora do lar, simbolizando a honestidade e a virgindade, virtudes imprescindíveis para uma boa prole e a continuação de "sangue" segundo os costumes da época.

No século XI, surgiu a aliança que é o maior símbolo de uma união. Após esse período, a tradição do noivado passou a ser tão importante quanto o casamento. A cerimônia acontecia 12 mêses antes da união, e durante esse período a noiva deveria ser fiel ao noivo, caso contrário seria chamada de adúltera e não poderia noivar novamente. Apenas no século XV, a aliança com diamante foi recebida por um mulher. Surge também o primeiro beijo em público.

A tradição dos presentes veio na idade média, onde os presentes eram trocados: A família da noiva era responsável pelo pagamento do dote (o pai da noiva sentia se proprietário da noiva, por isso se pedia um valor por ela). Os pais do noivo eram responsáveis pela moradia. E o sacerdote que celebrava o matrimônio recebia o terceiro presente.

Então meus amados...práticas pagãs: assim como domingo, natal, trindade, o inferno, ir para o céu, preexistência, e outras práticas pagãs foram introduzidas pela união grego-romano na sua invenção o cristianismo, e depois adotadas pelos q se dizem protestantes e evangélicos.

"AQUI FICA NÃO UMA IMPOSIÇÃO OU UMA OBRIGAÇÃO, MAS SIM, UM DEVER DE CONSCIÊNCIA!"



4 comentários:

  1. Há que se perguntar o por quê desse costume hindu, eu digo que ele deriva da religião fálica, a primaz de todas as religiões. Os indonésios, deram origem, também, na religião cristã do símbolo do peixe, a quem chamavam de Num (pênis).
    Melhores informações encontra-se no livro de Jorge Adoum : Do Sexo à Divindade, através do Google, que dentre outras religiões, inclui também a fálica.

    ResponderExcluir
  2. OUVE.!!! Ó HUMANIDADE DA TERRA: O LIVRO MAIS IMPORTANTE DOS ÚLTIMOS 2000 ANOS. TALMUD DE JMMANUEL. baixe no website:

    Baixar o Livro Verdadeiro Talmud de Jmmanuel traduzido correto 2013
    Baixe Neste website o Livro Verdadeiro Talmud de Jmmanuel PDF traduzido correto 2013.
    ADJUTOR156.WIXSITE.COM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TAMULD JMMANUEL - TRADUZIDO EM PORTUGUÊS
      Website em português:
      http://talmud-de-jmmanuel.webs.com/
      Http: //wahrheit7x7.webs.com/averdade.htm

      Excluir

Deixe seu comentário, será muito legal...meu muito obrigado!! Volte Sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
▲ Topo