19 de jun de 2015

Discurso de Krishna sobre a mulher (Vídeo)


Tendo emanado diretamente da boca de Sri Krishna, a maior autoridade em conhecimento, a Bhagavad-gita tem sido estudada há cinco mil anos por toda classe de filósofos e sábios. Através dos seus setecentos versos, iremos compreender que, muito mais do que simples ginásticas executadas por poucos, o Yoga é um estado de consciência superior que todos podem alcançar.
O texto da Bhagavad-gita é originalmente encontrado no épico indiano Mahabhárata e narra o famoso diálogo ocorrido há cinco mil anos entre Krishna e Arjuna, minutos antes de uma batalha devastadora. Dhritarastra era o irmão mais velho de Pandu e, como havia nascido cego, não pôde herdar o trono do seu falecido pai; assim, o virtuoso Pandu tornou-se o imperador do mundo. Pelos desígnios misteriosos do destino, o bondoso Pandu teve uma morte prematura, quando seus cinco filhos, conhecidos como Pândavas, ainda não tinham idade suficiente para herdar o trono. Por isso, enquanto esperavam o momento ideal para assumir o reinado, os Pândavas tiveram que crescer sob os cuidados do tio Dhritarastra, que, temporariamente, teve de assumir o comando do império.
Os filhos de Dhritarastra eram conhecidos como Kurus, e o mais velho dele, o invejoso Duryodhana, era a própria personificação da desavença. À medida que os Pândavas cresciam, suas naturezas divinas e suas qualidades reais os acompanhavam e eles se tornavam cada vez mais amados pelo povo de Hastinapura. Mas infelizmente, seus primos, os Kurus, nutriam grande inveja por eles e não conseguiam aceitar a idéia de, em breve, vê-los assumir o trono então ocupado por seu pai. Indo contra o Dharma (as leis divinas) e sob a influência da luxúria, cobiça e ira, os Kurus arquitetaram todo tipo de planos diabólicos para impedir que seus bondosos primos chegassem ao trono. Diante dessa situação insustentável, uma grande batalha entre os primos se tornou inevitável, e todos os guerreiros do mundo tiveram que se dividir em dois grandes grupos. Enquanto um grupo de guerreiros apoiava o exército dos divinos Pândavas, sob comando do grande general-devoto-guerreiro Arjuna, outro grupo dava apoio aos malévolos Kurus, os cobiçosos filhos do cego Dhritarastra, comandados pelo malvado Duryodhana.

Discurso de Krishna sobre a mulher
É de emocionar...
Posted by Satchi Suta Das on Sexta, 19 de junho de 2015

Um comentário:

Deixe seu comentário, será muito legal...meu muito obrigado!! Volte Sempre!!!