7 de out de 2015

ENLIL & ENKI e seus robôs

“Em sua ganância pessoal, eles não podem parar por um segundo e ver que eles são apenas uma parte do ciclo e é a mão invisível do mal que mantém a sociedade presa em um vórtice de corrupção incapaz de sempre escapar para o próximo nível do jogo que chamamos de vida.” - Martin Armstrong 

Você conhece a história de Martin Armstrong?
Ele tem um modelo de computador que prevê a economia mundial. E diz que ela vai quebrar já. Martin ficou milionário aos 15 anos e os negativos de plantão não gostaram dele ter descoberto “como” entender a manobra “do jogo” e o tiraram de circulação por uns tempos.

Não é difícil entender como as coisas funcionam, basta para isso você estudar a origem da humanidade e o seu roteiro de ações. Está tudo explicado no manual encontrado em muitas línguas atribuídas e resguardados a grupos religiosos que mantém a informação – fragmentada, claro - para que somente os que desejam MUITO, muito, muito saber, e terem acesso a chave da porta.

Vamos recapitular algumas passagens:

Monarquia vem do grego monarkhes  - "aquele que governa sozinho".
Um monarca se mantém no cargo até à sua morte ou à sua abdicação, sendo normalmente um regime hereditário ou por indicação. De modo que o governante age como um sacerdote ou é considerado de ascendência divina, transformada na noção de "direito divino dos reis".

Os donos do mundo têm pressa. Suas ações são arquitetadas matematicamente obedecendo a uma geometria sagrada. Sabemos que precisam de freqüências precisas para movimentar as peças, pois seu poder depende unicamente da nossa cooperação, afinal somos nós que produzimos a realidade, eles apenas oferecem os dados complementares.

Recentemente, Pastor Steve Cioccolanti, da Austrália, citou "Os 8 super sinais” no céu antes do 70º aniversário de Israel. Segundo ele, tudo o que Deus promete na Bíblia tem a ver com Israel e do povo judeu - o povo de ENKI.

Por que é importante o número 70? 
Cioccolanti explica que durante 70 anos, Israel estava em cativeiro na Babilônia e levou 70 anos entre o nascimento do “Jesus” e da destruição do Templo em Jerusalém. Israel está prestes a completar 70 anos (14 de maio 2018) desde o seu renascimento como uma nação em 1948.

No Talmud, o livro de interpretação judaica da lei divina, ensina que quando a lua está em eclipse é um mau presságio para Israel. Se o seu rosto é vermelho como o sangue, a espada [guerra] vem ao mundo. 

Se observarmos a agenda que orienta o gado para o matadouro (Apocalipse), poderemos perceber que eles estão “fabricando” o Armagedon. Estão agitando as massas a se movimentarem para a arena de guerra e estão indo muito bem nesse processo.

(Mateus 24: 3) - Discípulos de Jesus perguntaram como as pessoas iriam saber quando começariam as tribulações. E a resposta se aplica a qualquer momento da história - "Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, ehaverá escassez de víveres e terremotos num lugar após outro".

O apóstolo Paulo chamou o mesmo período de "últimos dias" e disse que seriam "tempos críticosdifíceis de manejar". Em momentos atrás isso já ocorreu, e civilizações caíram, mas estamos aqui, ainda.

O fato é que os donos do planeta estão seguindo o script e montando a cena para que todos vejam, sintam, ouçam e cheirem o sangue no ar.

E nós aqui, de olho na manobra global...

A Bíblia diz que os líderes mundiais farão uma declaração significativa de "paz e segurança", prestes a resolver grandes problemas da humanidade. Mas o que vai acontecer após esta declaração não será de forma alguma pacífica (1 Tessalonicenses 5: 1-3).

Todas as nações ao redor de Israel se uniriam contra ele (Salmo 83: 4-8; Zacarias 12: 2). Isso nunca aconteceu na história, mas Israel está cercado por nações muçulmanas que juraram destruí-los. 

Alguns governos se voltarão contra organizações religiosas no mundo
Na Bíblia, esses governos são simbolizados por uma fera - as falsas religiões do mundo - simbolizado por uma mulher que monta a parte de trás da besta. (Apocalipse 17: 3, 15-18).

Isso me veio a mente a imagem da Dilma por cima do Lula... mas isso é outra historia, deixa pra lá...

Sharia
É um símbolo gráfico (palavra) arcaica de cunho árabe que traduz o pensamento de: "caminho a ser seguido". Portanto, todos que partilham, ouvem e lêem esse símbolo gráfico entendem a mesma experiência.

Sharia tem o mesmo valor e peso do termo hebraico Halakhah - "The Way to Go" ou "a maneira de se comportar" ou o "caminho para o furo da água". O que define como caminho “para a água” é toda a forma de vida em um ambiente árido desértico. Isso te lembra alguma coisa?

Assim, shari'at Mūsā significa lei religiosa de Moisés no judaísmo - shari'at al-Masih significa lei religiosa docristianismoshari'at al-Madjūs significa lei religiosa do Zoroastrismo etc.


Sharia é uma lei imposta por ENLIL logo após ele descobrir que não conseguiu matar os humanos com a inundação – leia-se Dilúvio. O velho Dragão ficou uma arara quando soube que seu irmão ENKI mandou seu filho Thoth(Nóe/Moisés/Jesus/Mitra/Buda etc) sair por aí pregando que o mundo iria acabar e que humanos precisavam se salvar da destruição iminente, e alguns acreditaram nele e subiram as montanhas em caso de dúvida.

E graças (?) a Thoth (Thor - a pomba) a raça humana vagueia e perambula nessa Terra sem destino, e presos por uma “eternidade”, até que a próxima mudança cíclica e dramática ocorra de novo para que mude a percepção da manada dessa vez. Um momento na roda da vida em que o portal se abre e podemos sair dela.

As palavras de Thoth ainda estão impregnadas na mente humana de maneira inconsciente e esse script não é fácil de ser mudado quando a hipnose é mantida para conservá-la. É necessário outro script/programa de igual valor e peso para que a máquina obedeça à alma, e essa, possa assumir o controle de si mesma.

A lei da “Sharia” lida com muitos temas para os donos do planeta melhor administrarem a máquina humana. Um manual que inclui regras para crimes, política e economia, questões pessoais de como e com quem o humano deve se reproduzir, sua higiene, dieta, oração, etiqueta cotidiana como rituais constantes e até jejuar, uma das formas perenes de manter ahipnose por séculos. 

Sharia é considerado no Islã como a lei infalível de Enlil e suas normas de conduta para estar nesse plano - já que humanos não deviam estar mais aqui - mas já que estão, farão parte da brincadeira e terão que obedecer as regras de como jogar para ELE ganhar a batalha dos outros dragões. Isso deve ser muito divertido...

http://bloglaurabotelho.blogspot.com.br/2014/08/enoch-e-seu-exercito-vermelho.html
No hebraico a palavra Torá é uma derivação do verbo ירה (yara) que significa jogar (throw) lançar algo, como uma flecha, um martelo, por exemplo.

Deuses adoram jogos mortais e manter o maior numero de peões fanáticos é uma dádiva, uma habilidade de mentes poderosas que sabem como usar bem essas máquinas.

Muitos não conseguem enxergar, perceber, compreender e assimilar o que estamos passando nesses últimos 20 anos de despertar e infelizmente recorreram aos mesmos deuses que os mentem escravos.

Para dar uma imagem dessa relação inconsciente dos humanos com os deuses é como se - seu patrão mandasse você limpar uma janela no terceiro andar e você caísse e se quebrasse todo, mas você é um sortudo, pois seu chefe lhe dará boas e firmes muletas para você voltar rápido ao serviço.

Como foi dito - em textos diversos pelos antigos a nos alertar - que as mudanças seriam significativas, impossíveis de serem ignoradas por qualquer ser vivente nessa dimensão, mesmo que ele teime em não crer que isso esteja acontecendo; “é coisa de alarmistas”.

Essas mudanças seriam geofísicas, estruturais, territoriais, climáticas, sociais, religiosas, familiares, sexuais, enfim, em todos os campos da nossa existência.  

Haveria quebra de paradigmas, de conduta, de regras, lógica e ordem. O caos, a entropia, seriam a norma, um movimento que é sempre gerado quando os programas são mudados. Não dá pra fazer faxina sem tirar tudo do lugar.

O que você precisa entender é que “Jesus” tá vindo – mas você sabe que Jesus é apenas um símbolo para o SOL, o astro rei. Mas tá “vindo como”?

Em tempestades magnéticas, em ondas de extrema violência gerando aquecimento no interior da Terra que agitará não só o subsolo, mas também a macacada aqui em cima. Essas partículas de energia provocarão atividades sísmicas mais frequentes e intensas.

“Jesus” ou o “messias” - na verdade é o Big One tão esperado. E quando esse terremoto vier, sem dúvida nenhuma unificará todas as “tribos” e conduzirá seu “povo” para a “reconstrução” da paz universal global no Templo em Jerusalém (MARTE).

Tenho certeza que será um belo final feliz para todos os robôs interplanetários. Casa nova, regras novas e ídolos lindos, fortes, louros de olhos azuis com suas capas esvoaçantes...

laura botelho



Durante muitos anos Israel e Brasil tiveram boas relações, contudo, desde o primeiro mandato de Dilma, a “diplomacia" mudou. Cogita-se que Israel e Brasil podem romper as relações diplomáticas. Desde sua vitória na Guerra dos Seis Dias (1967), Israel reivindica Jerusalém como sua a capital “histórica e indivisível”.

Os palestinos consideram a parte oriental da cidade como “território ocupado” e tudo faz crer (a embaixada brasileira confirma) que o governo Petista está do lado dos palestinos e não reconhece Jerusalém como a capital de Israel...  

Entenda por que nesse vídeo abaixo


Prepare-se, se não rezar pela nova cartilha, você já terá um inferno

Não é uma "ameaça", mas uma realidade.

http://bloglaurabotelho.blogspot.com.br/2015/10/enli-enki-e-seus-robos.html


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, será muito legal...meu muito obrigado!! Volte Sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
▲ Topo