3 de out de 2015

As “Ovelhas” Fazem, Você Não Deve Fazer


"Ovelhas não conseguem dizer não ao sistema, 
mesmo quando sabem que estão fazendo
mal a si mesmas". 

3 - Coisas Que as “Ovelhas” Fazem, Mas
 Que Você Não Deve Fazer

Você já teve a sensação de estar cercado por autômatos, pessoas que simplesmente imitam a vida, sem realmente vivê-la ?

Ovelhas, como elas são chamadas, são as pessoas comuns que de certa forma se adaptaram particularmente bem á agenda de treinamento da força de trabalho/consumidor/obediência.

 Elas foram ensinadas a serem dóceis, tolas e facilmente conduzidas.
 Elas estão particularmente interessadas em seguir e acreditar nas narrativas tradicionais dos governantes, adaptando-se aos pensamentos e comportamentos do grupo/rebanho.

 Quase criminalmente desinformadas, elas são previsíveis, obedientes, crédulas, não questionam nada, sempre fazendo a sua parte para mantero poder cultural vigente, policiando e se escravizandoficando focadas em qualquer tarefa que tenha sido exigida delas. 

As principais recompensas peloseu conformismo e obediência éa ilusão de segurança.

Ovelhas estão por toda parte,com certeza, mas um movimento contrário formidável está aumentando em oposição a esta loucura de engenharia/manipulação social.

 A quantidade de pessoas que estão acordando é verdadeiramente inspirador, e uma grande parte desta transformação, é a crescente consciência do que fazemos e o que pensamos que nasce realmente de pensamentos questionamentos originais, não instruído por programas culturais com enredos ditados pela indústria, governo e os psicopatas da elite à frente da nossa nave espacial Terra.

 Acordar para isto é com certeza, o resultado da nossa consciência nos chutando.

Aqui estão 3 coisas que as “ovelhas” fazem, mas que você não deve fazer…

1. Auto Sabotagem

Como um vampiro que deve ser convidado para poder entrar na casa de sua vítima, grande parte da matrix é um convite para entrarmos na autodestruição. 

É voluntário de muitas maneiras.

 Suas armadilhas, são concebidas por apelos ao ego, ao paladar, ao prazere para a nossa falta de conveniência necessidade de gratificação instantânea… 

Nada que não possamos viver sem. 

Ela vende coisas com gosto doce num primeiro momento, mas em última análise revela-se difícil de parar, é viciante e ainda mais, é impossível de pagar.

Ovelhas não conseguem dizer não ao sistemamesmo quando sabem que estão fazendo mal a si mesmas. 

Elas vão consumir o que lhes é apresentado, o que quer que tenham acenado em seu rosto com mais frequência e mais fervorosamente, as consequências que se dane.
Sabotando sua própria saúde física e mental, pela emoção de conveniência, peloautomatismo em seguir o rebanho e pelo vício do excesso de estimulação, as ovelhas vão cair para praticamente qualquer coisa.

 Elas infelizmente vão seguir suas papilas gustativas, todo o tempo até chegarem ao consultório médico, então alegremente assinam recibos e compram “medicamentos ficando totalmente afundadas em dívidas.

Mas você não deve fazer nada disso

Você não tem que trabalhar em empregos que odeia, você não tem que assistir televisão todas as noites para ficar alienado, ofuscado, babando.

 Você simplesmente não tem que tratar o seu corpo e mente com tanto desprezo, como os controladores dizem para fazer. 

Sua vida é preciosa e vale a pena proteger de todas as formas possíveis.

“As pessoas são ovelhas. a TV é o pastor.” (Jess C. Scott)

2. Acreditar no Enredo, Usar a Máscara, Desempenhar o Papel

É difícil saber por vezes, se a arte está imitando a vida ou se é a vida que imita a arte, mas este é o segundo século do Eu/individualismo, e os meios de comunicação social trouxeram algumas oportunidades estranhas, para fazer um grande movimento para fora de nós mesmos e não nos levarmos muito a sério. 

Como muitas pessoas/ovelhas obedientemente fazem.

Quem são essas pessoas que acampam em lojas de varejo com promoções nomeadas de sexta-feira negra, em seguida, batem e atropelam uns aos outros quando as portas são abertas para comprar algo, que o sistema disse que elas precisam?

 Quem são essas pessoas que ficam revoltadas com vitórias e derrotas chegando a queimar, suas próprias comunidades por algum tipo de esporte de competição que incentiva o individualismo

Quem são essas inúmeras pessoas em gravatas comprometendo suas vidas para preencher o molde corporativo? 

A lista continua e continua.

A autoimagem é usada contra nós para confundir e nos desorientar.

 Estamos constantemente alimentando a ilusão de que precisamos ter coisas inúteis ou fazer parte de grupos/rebanhos a fim de nos sentir completos, a fim de nos sentir seguros, a fim de nos sentir felizes e livres de preocupações.

 Somos ensinados desde cedo que há segurança e conforto na assimilação e subserviência, se você participar e concordar com o grupo/rebanho

Desconforto e consequências se balançar o barco.

Ovelhas perseguem ilusões e procuram estar em conformidade com os enredos do sistema, escolhem as máscaras e dedicam-se totalmente a desempenhar o seu papel

Mesmo que isso signifique, arruinar e destruir sua humanidade ao longo do caminho.

Nada disso realmente importa é claro, porque todos nós somos seres multidimensionais, dentro de um corpo material denso por um curto período de tempo em sofrimento/aprendizado neste incrivelmente belo planeta.

 Quando despertamos para quem realmente somos, as máscaras desaparecem e não existe mais a necessidade de se conformar/obedecer,desta forma, ou de qualquer forma.

Somos livres para ser o que quisermos e o que quer que precisamos estará disponível para sobrevivermos e prosperarmos mesmo na matrix.

Nós não devemos ser todos do mesmosentirmos o mesmo, pensarmos o mesmo e acreditarmos no mesmo.

A chave para a continuidade da expansão do nosso Universo reside na diversidade, não devemos ceder a conformidade e a coerção.
“A convencionalidade é a morte da criação” (Anthon St.) 

3. Abdicar da Soberania e Obedecer Falsas Autoridades

Nossa ilusão de desamparo e deferência as autoridades são encorajadas pelo nosso sistema de ensino, nosso governo e nossos senhores corporativos, somos cada vez mais solicitados a entregar o nosso poder pessoal e dignidade para os legisladores políticos e as falsas figuras de autoridades que nos governam, criando cada vez mais leis e regras para nos oprimir. 

As ovelhas abdicam da sua soberania sem contestaçãoalegremente adiando sua autoridade se isso significa menos responsabilidade para elas.


 Elas apoiam causas que não entendem e participam nos motins em que não estão ligados nem envolvidos. 


Elas não sabem nada sobre os seus direitos legais ou naturais e ainda menos da coragem que é preciso para exercê-los. 

Fazem um passeio inútil como idiotas, as “ovelhas preferem a dinâmicado que está sendo dito, em vez de fazer.

Artigo Relacionado: Os Sete Pilares da Matrix

O jogo da perda do poder é sobre a criação da ilusão de nossadependência do governo, das empresas, dos colegas por aceitação e aprovação, durante a criação dos atores coadjuvantes para os jogadoresque estão influenciando nosso mundo.

É também sobre distorcer o sentido de responsabilidade das pessoas para os crimes do governo e as empresas poderem ficar impunes mais facilmente. 


Tome o experimento Milgram da década de 1960 como exemplo, que demonstrou como as pessoas são naturalmente inclinadas a permitir a tortura de outros seres humanos, desde que a chamada figura da autoridade, seja a responsável e esteja aceitando a responsabilidade.


Ovelhas são aqueles que assistem os outros sendo agredidos, e em vez de ajudá-los, apenas registram com seus celulares.

Um uniforme e um cheque de pagamento, não dão a qualquer ser humano direitos especiais sobre outro ser humano, exceto na matrix, onde as ovelhas” foram treinadas para se submeter e obedecer a qualquer um com uniforme, em conjunto com um distintivo e um walkie-talkie.

As ovelhas ficam felizes em participar destes jogos de perda do poder e transferem a sua responsabilidade para os outros, mas tudo o que recebem é um simples e confiante “não”, para mudar a dinâmica em qualquer relacionamento.


 Nós realmente não temos que desistir da nossa soberania pessoal e entregar nosso poder para as falsas autoridades.

Conclusão

“É uma coisa triste e estúpida se proclamar um revolucionário apenas para ser uma pessoa decente.” ~David Harris

O espírito humano é muito mais poderoso e determinado do que qualquer engenharia social ou programa de lavagem cerebral.


É simplesmente inconfinável nestas prisões espiritualmente debilitantes.

Apenas estar ciente disto é suficiente para quebrar o hábito da escravidão mental e revelaruma perspectiva mais verdadeira sobre a vida, e as maneiras pelas quais os sistemas desumanizados em nosso mundo são organizados contra nós. 

Só é preciso UM questionar UM e despertar para a consciência contemporânea, nosso mundo vai ficar muito diferente do que é hoje, é fácil ver as ovelhas por aquilo que elas são.

 E é mais fácil ser você mesmo e não apenas mais um membro do rebanho.



Por:
Dylan Charles

Mantenha sua soberania, 
não entregue o seu poder.

Divulgação e Formatação
http://semeadorestrelas.blogspot.com

Tradução e Divulgação: 


Origem: wakingtimes


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, será muito legal...meu muito obrigado!! Volte Sempre!!!

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...