2 de ago de 2015

MEDO - AMOR - ORGASMO - SAÚDE


MEDO - AMOR - ORGASMO - SAÚDE
Medo é escuridão. É ausência de amor. Você não pode fazer nada com ele, e quanto mais você fizer, mais você ficará temeroso porque assim, mais você o achará impossível. O problema se tornará cada vez mais complicado. Se você lutar com as trevas você será derrotado. Você pode trazer uma espada e tentar matar a escuridão: você irá somente ficar exausto. E, finalmente, a mente pensará: A escuridão é tão poderosa, eis porque fui derrotado.
Aqui é onde a lógica erra. È absolutamente lógico que se você esteve lutando com as trevas e você não pôde derrotá-la, não pôde destruí-la; então, é absolutamente lógico chegar a conclusão que as trevas são muito poderosas. Sou impotente diante dela. Contudo, a realidade é exatamente o oposto. Você não é impotente, as trevas é que são impotentes.
Na verdade, as trevas não estão lá – eis porque você não pode derrotá-la. Como você pode derrotar algo que não é?
Não lute com o medo senão você ficará cada vez mais medroso: e um novo medo penetrará em seu ser, isto é: o medo do medo, o qual é muito perigoso. Em primeiro lugar, medo é ausência e em segundo lugar, o medo do medo é o medo da ausência da ausência. Dessa maneira você mergulha na loucura.
Você deu um passo errado. Medo não é nada senão ausência de amor. Faça alguma coisa com o amor, esqueça do medo. Se você amar, o medo desaparece. Se você amar profundamente, o medo não é mais encontrado.
Quando você estava apaixonado por alguém, mesmo por um único momento, havia algum medo? Ele nunca foi encontrado em qualquer relacionamento – se mesmo por um momento duas pessoas estão num profundo amor e um encontro acontece, eles estão sintonizados um com o outro, nesse momento, o medo nunca foi encontrado. Exatamente como se a luz estivesse acesa e a escuridão não fosse encontrada. Há uma chave secreta: Ame mais.

Se você sentir que existe medo em seu ser – ame mais.
Seja corajoso no amor, tome coragem. Seja aventureiro no amor, ame mais, e ame incondicionalmente, porque quanto mais você amar, menor será o medo.
E quando digo ame quero dizer todas as quatro camadas do amor: do sexo ao samadhi. Ame profundamente. Se você amar profundamente num relacionamento sexual muito medo irá desaparecer do corpo. Se seu corpo treme de medo, é o medo do sexo; você não esteve numa relação sexual profunda. Seu corpo treme, seu corpo não está à vontade, em casa.
Ame profundamente – um orgasmo sexual dispersará todo o medo que está no corpo. Quando digo que dispersará todo medo não quero dizer com isso que você se tornará valente porque pessoas valentes não são nada senão covardes de cabeça para baixo. Quando digo que todo medo irá desaparecer quero dizer que não haverá nenhuma covardia e nenhuma valentia. Estes são dois aspectos do medo.
Olhe para o seu bravo povo: você irá descobrir que bem no íntimo eles estão assustados, eles criaram uma armadura em volta deles. Bravura não é destemor, é medo bem protegido, bem defendido, blindado.
Quando o medo desaparece você fica destemido. E uma pessoa destemida é aquela que nunca cria medo em ninguém, e que nunca permite que ninguém crie medo nela.

Um orgasmo sexual profundo deixa o corpo à vontade.
Uma saúde muito, muito profunda acontece ao corpo porque o corpo sente totalidade.
Portanto, o segundo passo é amor. Ame as pessoas – incondicionalmente. Se você tiver algumas condições na mente então você nunca será capaz de amar – essas condições se tornarão barreiras. Devido a que o amor é benéfico a você pra que se incomodar com condições? È tão benéfico, um bem-estar tão profundo que – ame incondicionalmente; não peça coisa alguma em troca. Se você chegar a entender isso, apenas por amar as pessoas você cresce no destemor, você amará! Pela pura alegria de amar!

Osho, Talking Tao


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, será muito legal...meu muito obrigado!! Volte Sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
▲ Topo