15 de abr de 2015

RAUL SEIXAS E SUAS MENSAGENS OCULTAS - A "demonizada" música "EU NASCI HÁ 10.000 ANOS ATRÁS

O eterno Raulzito 

Infelizmente como qualquer música de Raul Seixas sempre foi o alvo de rotulagem ou de uma implacável críticas, principalmente pelos adeptos do fundamentalismo religioso, em achar que as músicas dele foram todas dedicadas ou consagradas ao tal "Diabo", que também denominado pela classe religiosa como "o Diabo o pai do Rock."

Mas será mesmo que Raul era um devoto do "Diabo"....onde as suas músicas eram em prestar louvores ao seu senhor?

Será que essa música em especial era mesmo uma mensagem em se tratando de uma entidade maligna que tem atravessado eras da história da humanidade dita na letra dessa música?

Será que esse tempo todo os sectaristas religiosos tem mesmo razão, quando taxam essa música como sendo o próprio "Diabo" inspirado Raul de compor essa mesma música?

Será mesmo que Raul Seixas acreditava nessa idiotice dessa criatura lendária do "Diabo" do cristianismo em que se acreditava que Raul tinha feito até "pacto" com ele?


Será ele um cara tão bem instruído com uma cosmovisão tão incrível, ele iria mesmo se prestar a "jogar figurinhas" com aquilo que realmente rege essa "manada", a ter algum envolvimento com a tolice que a elite religiosa criou para os incautos?

Então o que vemos esse tempo todo com relação a um dos maiores livres pensadores do século XX que o mundo já viu?
 
O que se percebe até hoje é que o brilhante artista sempre foi perseguido implacavelmente pela dominante classe religiosa, e também pela força midiática que fazia em desempenhar o mesmo papel, de apenas
ridicularizá-lo em trazer uma imagem de alguém "louco"..."paranoico" ou um "débil mental", onde era passada ou vendida a ideia de um homem sem credibilidade alguma, ou que não merecia atenção por ser ele alguém que estava sempre na contra mão do sistema, denunciando e expondo por meio de suas belas músicas a essa sociedade inteiramente dada ao sonambulismo, na auto-vitimização da suprema e predatória ignorância.

Então voltando a demonizada música "Eu nasci há 10.000 anos atrás"....até hoje ela vem sendo vista com horror e pavor, porque a maioria sendo religioso ou não, acha mesmo que é uma música da fantasiosa ideia do arqui-inimigo de "Deus." Onde o que se vê mesmo, é a mais pura crendices recheadas com muito preconceitos onde as falácias é marca desse povo.



O que realmente se trata ou quer dizer essa música do Raul Seixas??

Bom...de uma forma bem rápida e objetiva; eu digo que essa música não tem nada de maligno, assim como qualquer música dele não tinha nada a vê com que se acredita sendo músicas dedicadas ao mal. Na verdade todas as músicas dele foi deliberadamente mal interpretada, para que ninguém tivesse acesso as verdades contidas em cada música que ele cantava.

Então essa música em especial não se tratava em transmitir uma mensagem a mando de uma entidade maligna, ao qual ele o tinha como sendo o seu deus. Não era verdade isso em nada que a religião criou e vendeu essas falácias todas sobre a pessoa de Raul Seixas.

Raul Seixas nessa música tratava em transmitir uma sucessão de indas e vindas sendo ELE mesmo visitando, assistindo e atravessando todas as eras da histórias da humanidade. Onde ele descreve de forma subtendida, que ele sabia de tudo por ter acompanhado tudo que ocorreu nesse mundo, uma hora como observador e outra hora como participante, e também as vezes como protagonista em alguns eventos de peso na história.

Então sendo assim, a existência de alguém não se deve a partir do momento que nasce, mas sim, uma veste material trazendo ao mundo em determinado período de tempo e história, o imaterial - a eterna causa que sempre existiu - o que nunca nasceu e nem nunca morreu. No entanto no que tange a esse casulo material, não é onde tudo começa, mas sim, uma sequencia em relação ao ser imaterial, porque o ser imaterial ao qual chamamos de espírito ou de alma, é uma energética extensão eterna da Fonte que tudo É.....então é essa mesma centelha divina é que faz essas turísticas viagens históricas dentro desse espaço/tempo (3D).

Então ele não estava blefando quando dizia; ("não há nada nesse mundo que eu não saiba demais.") Porque todos nós carregamos os Registros Akáshicos. 

Mas antes de partir daqui para seu real lar, ele deixou um desafio para qualquer um, dizendo: "E pra aquele que provar que eu estou mentindo, eu tiro o meu chapéu"

VOCÊ NÃO É QUANDO NASCEU, VOCÊ É O QUE SEMPRE EXISTIU 


Make by Liberte Sua Mente


2 comentários:

  1. Sempre gostei das músicas de Raul Seixas, elas falam a verdade sobre esse nosso misterioso mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim...meu amigo, ele era um cara que estava muito a frente do seu tempo, com uma cosmovisão espetacular, e que por essa razão é que ele transmitia as verdades que eram impedidas ou barradas pelo degradante sistema opressor, onde infelizmente as verdades ditas por ele era muitas vezes ofuscadas acintosamente por aqueles que se sentiam ameaçados por ele está sempre por meio de suas músicas, denunciando e expondo toda essa engrenagem que compõe esse mundo ao qual aprendemos a chamar de mundo real....em que todos ainda acreditam que esse mundo virtual (MATRIX), foi criado, quando na verdade o mesmo foi construído e programadamente configurado a atender o desenhado curso meramente "cosmético" para que aparência do irreal fosse enganosamente aceito pela manada, sob a maestria das ordens do desconhecido.

      Excluir

Deixe seu comentário, será muito legal...meu muito obrigado!! Volte Sempre!!!